top of page
  • Ághata Ramos, Agência Yaih

ENTREVISTA COM ZELMUTE MARTEN

Texto de Ághata Ramos


Quem é Zelmute Marten

 

No cenário político de São Lourenço do Sul, o nome de Zelmute Marten foi anunciado como pré-candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) para as eleições de 2024.

Zelmute traz consigo uma visão política fundamentada no protagonismo popular e na construção coletiva de propostas. Representa os doze anos de governos dos ex-prefeitos Zé Nunes, Daniel Raupp e possuí muitos vínculos de trabalho com o governo federal. Conforme relato de Zelmute, o PT está em plena fase de estruturação de um programa de governo participativo, coordenado pela professora Fernanda Bork, e seu objetivo é ouvir a população, potencializar oportunidades, estabelecendo dinâmicas ativas de parcerias tanto em âmbito local, nacional e internacional.

 

Início da carreira política


Ao contar sobre sua motivação para ingressar na política, ele remonta sua trajetória desde os 14 anos, quando se envolveu no movimento estudantil secundarista e na coordenação do movimento "Fora Collor". Zelmute se considera um filho do êxodo rural, visto que sua mãe é natural do interior de Canguçu, da localidade de Potreiro Grande; Zelmute nasceu na cidade de Pelotas.


“Cresci em uma situação de vulnerabilidade social... comecei a trabalhar cedo, vendendo pastéis aos 10 anos de idade...[..] essas experiências moldaram a minha consciência social. [..] A entrada no PT em 1989 foi motivada pelo desejo de contribuir para uma sociedade justa, inclusiva e igualitária”.

 

Secretário de Turismo, Indústria e Comércio


O amor por São Lourenço do Sul foi um dos fatores que levaram Zelmute a almejar a liderança da prefeitura. Sua participação na campanha para prefeito de Zé Nunes (atualmente deputado estadual) e Daniel Raupp e o período como secretário de Turismo, Indústria e Comércio (2005-2010) sob a gestão de Zé Nunes marcaram sua atuação na então gestão Governo de Todos. Através de seu protagonismo à frente do desenvolvimento econômico e turístico de São Lourenço do Sul, Zelmute destacou-se por sua gestão participativa, por meio de parcerias com a iniciativa privada e resultados positivos nesse período, que culminaram em sua candidatura a deputado estadual em 2010. Na candidatura daquele ano, dos 23 mil votos em São Lourenço Do Sul, 10.988 foram direcionados para Zelmute Marten; que é imensamente grato pela confiança que a comunidade lourenciana depositou nele, tendo permanecido sempre trabalhado em prol do município.


Zelmute e Zé Nunes

 

No relato sobre a enchente (enxurrada) de 2011, destaca-se sua postura de liderança ao assumir a coordenação do mandato de Henrique Fontana durante esse desafio. Em seus 12 anos de participação no governo do PT no município, enfatiza o trabalho voltado para o interesse da comunidade, além de ter ocupado o cargo de Secretário de Estado durante o governo Tarso Genro (PT).


Sobre a decisão de concorrer à prefeitura em 2024 ele afirma: “Me sinto maduro, preparado, com muitos vínculos no município e com um histórico de ações concretas já realizadas... e com isso me apresentei como pré-candidato, pelo Partido dos Trabalhadores para representar a nossa comunidade como um todo na eleição de 2024. Para retomarmos um projeto de desenvolvimento, com geração de emprego e renda.”.

 

 

Secretário X Pré-Candidato

 

Ao ser questionado sobre qual a maior mudança da época em que ele era secretário e com hoje, momento em que é pré-candidato à prefeitura, o entrevistado se posiciona firmemente:

 

 “Tivemos muitas mudanças substanciais. De 2016 para cá, o nosso município vive um momento de muitos retrocessos em todas as áreas...”

 

“No município, durante o período entre 2005 e 2016, foram criados diversos instrumentos de participação popular através de planejamento, conferências, conselhos municipais e o Orçamento Participativo, que construía uma gestão com protagonismo da comunidade lourenciana. Haviam programas muito importantes como o Banco do Povo, os conselhos locais de saúde e o programa Vigilante da Estrada, onde existia uma política pública de recuperação das estradas no interior... existia um ambiente de muita cooperação em nível local. ”


“Lamentavelmente, com o resultado da eleição em 2016, todo este contexto foi interrompido e se estabeleceu um ambiente de ódio, raiva, intolerância e perseguição.

 Situação onde aquelas pessoas que não apoiaram o atual prefeito em 2016 ou em 2020, automaticamente se transformaram em suas “inimigas” e passam a não ter acesso a canais de comunicação com a administração municipal [..]


 “O município está à deriva, caminha para um calote na previdência pública e desrespeita os servidores públicos municipais, empresários, agricultores e toda a comunidade. Houve uma ampliação do endividamento de longo prazo, comprometeu 62% da corrente líquida com a folha de pagamento...É uma crise estrutural em todas áreas, onde nos falta um projeto de futuro [..]”

 

Privatizações e o polêmico pedágio

 

O pré-candidato pesou suas criticou a decisão da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) a respeito do aumento do valor dos pedágios na região sul.

 

“ [..] A ANTT tomou uma decisão a respeito do pedágio contra o interesse do usuário da rodovia... [..] foi uma decisão monocrática, ilegal e que precisa ser revista [..] ”


“[..] Tanto a ANTT não consegue cumprir o seu papel em relação às estradas quanto à ANEEL e a AGERGS não conseguem cumprir o seu papel em relação ao desserviço que a Equatorial está prestando para a sociedade gaúcha em relação ao serviço de fornecimento de energia elétrica. Os nossos agricultores estão sofrendo sem a manutenção de estradas e sem o fornecimento de energia de qualidade.”


E ainda afirma, em sua opinião “O modelo das agências reguladoras no Brasil faliu, esses dois exemplos comprovam isso.”


“ [..]Esta tese de que somente a iniciativa privada pode, por si só, resolver todos os problemas, é parcial. O modelo adequado é um modelo misto, é o modelo que propomos para São Lourenço do Sul discutir quando falamos sobre parcerias público-comunitárias. É o poder público, a iniciativa privada e a comunidade trabalhando de maneira integrada  e colaborativa. Ampliando a nossa capacidade de atrair novos investimentos públicos e privados”

 

Turismo

 

Na busca por fortalecer o turismo em São Lourenço do Sul, ele destaca a importância da integração entre setores público, privado e comunidade. Zelmute acredita que, com um governo que promova a paz, valorize a autoestima e envolva a população na resolução de problemas, o município pode se consolidar como um destino turístico o ano todo.

 

“ O turismo não está na contramão da agricultura, do comércio e da indústria, estes setores, juntamente com o setor do turismo, precisam ser planejados de forma integrada. Precisamos investir em cultura e na promoção dos nossos eventos e do município como um todo. Valorizar as nossas belezas naturais, o meio ambiente e preparar no município um plano de contingência para se antecipar aos eventos climáticos extremos [..] ”



“[...] São Lourenço do Sul tem potencial para se consolidar como um destino turístico para o ano inteiro. [..]. Essas perspectivas só vão encontrar cenário em um governo que dissemine paz, sentimentos positivos e que valorize a autoestima e todas as qualidades do município, sendo agregador. Valorizando a nossa juventude, mulheres, todas as etnias e a diversidade, todas as representações.”


“ [..] A nossa população é honesta, é honrada e tem disposição para participar e auxiliar na resolução dos problemas, desde que ela seja chamada para um processo que ela sinta seriedade, honestidade, transparência, franqueza. Nosso compromisso é de fazer o básico bem, atuar para qualificar o recolhimento de lixo, limpeza da cidade, iluminação pública, investimentos em saneamento básico, drenagem, patrolamento e pavimentação de ruas e na manutenção de estradas do interior. ”

 

 

Ao final, reafirmando sua escolha por São Lourenço do Sul, Zelmute Marten delineia uma visão de transformação e inovação, propondo-se como agente de mudanças positivas para o município como pré-candidato do Partido dos Trabalhadores ao executivo em 2024. Com compromisso de qualificação dos serviços públicos de educação, saúde, assistência social e segurança. Zelmute também acredita muito no esporte e pretende valorizar a comunidade esportiva do município, desenvolvendo parcerias e incentivando o protagonismo de São Lourenço do Sul.



"Convido a comunidade a conhecer meu conteúdo nas redes sociais, através do @zelmutemarten. Siga, comente, compartilhe, participe com ideias na nossa pré-campanha."








Aviso

**A Agência Yaih, comprometida com a promoção da informação e participação cívica, reconhece a importância de dar voz a todos, por isso, anuncia que ao longo de 2024 se põe à disposição de receber todos os pré-candidatos que desejem compartilhar suas propostas, visões e planos para a cidade. A Yaih está à disposição para promover um diálogo aberto e democrático, dando espaço a todos os que buscam contribuir para o desenvolvimento de São Lourenço do Sul.



**As informações e opiniões expressas nesta entrevista são de total responsabilidade do entrevistado. A Agência Yaih fornece apenas um espaço para compartilhamento de ideias e não se responsabiliza pelo conteúdo falado ou transmitido. Entendemos que a comunicação é uma ferramenta fundamental para promover debates e divulgar informações relevantes, porém, ressaltamos que as opiniões aqui apresentadas são pessoais e não necessariamente refletem o posicionamento da Agência Yaih.


Comments


bottom of page