top of page
  • Rodrigo Seefeldt

CULTIVO DE PITAIA É DESTAQUE EM SÃO LOURENÇO NO SÍTIO TERRA DA PITAIA



O cultivo de pitaias ganhou destaque na zona rural de São Lourenço do Sul, e na propriedade agrícola de Valnei Kath e Fernanda Lanius no Monte Alegre, 6º distrito do município, há mais de 300 pés da fruta.


O agricultor Valnei, iniciou a partir de 2016 a dedicar-se ao cultivo das pitaias, quando deixou as outras atividades e passou a buscar alternativas para tornar a pequena propriedade rural mais rentável.  Nesse período o cultivo da pitaia foi apresentado por familiares próximos, sendo que essa fruta despertou o interesse da família pelos nutrientes e a rusticidade, sendo que na época não era comum seu cultivo em nosso munícipio.


Entre as dúvidas que surgiram no inicio do cultivo destacava-se principalmente se a planta se adaptaria na região, se a produção ocorresse e se haveria mercado consumidor. Os agricultores contam que muitas informações foram buscadas na internet e que havia a planta na região, porém sem relatos de frutos e com as mudas retiradas da natureza que começaram a fazer os testes.


No inicio do cultivo foram 30 mudas, divididas em 10 postes. Já no ano seguinte a família ganhou mais mudas e também adquiriram outras variedades, afim de fazer a fusão de espécies, aumentando o índice de fertilidade, tamanho e doçura da fruta.  Em 2018 a família conta que as primeiras frutas foram produzidas e com a certeza da produção, houve investimento para aumentar o pitaial.


Atualmente, a propriedade rural tem aproximadamente 300 pés de pitaias, divididas em 100 postes e com oito variedades da fruta, sendo: branca comum, vermelha comum, Cebra, Orejona, Nicarágua Gigante, Golden, Baby e a Vietnamese White (nossa única autofértil), oriundas de países como Vietnã, Israel e Nicarágua.



Na safra 2021/2022, a produção ultrapassou os 1.000 kg de fruta e a comercialização acontece na região, com entregas na cidade, mas a maioria das vendas ocorre diretamente na propriedade, tanto a fruta in natura, quanto a polpa, usada em sucos, sorvetes e geleias. O período da safra ocorre entre os meses de maio a dezembro.



A família relata sua satisfação com a produção “Estamos muito contentes com a cultura, pois nos proporcionam muitos momentos de alegria, como no início da safra o aparecimento dos primeiros botões de flores, as floradas quando desabrocham a movimentação das abelhas em volta, o enchimento das frutas, a maturação delas, por poder proporcionar um alimento, uma fruta tão saudável para a população e agora por último, a visitação dos turistas e visitantes aqui no Sítio”.


O Sítio Terra da Pitaia integra o roteiro de turismo Rural Caminho Pomerano e o visitante pode ir diretamente conhecer o sitio, seguindo a sinalização através da RS 265, em direção a localidade de Boa Vista, onde a visita deve ser agendada.








Siga o Caminho Pomerano no Instagram!













bottom of page