top of page
  • Rodrigo Seefeldt

18 ANOS DE VITALIDADE DO ROTEIRO CAMINHO POMERANO DE SÃO LOURENÇO DO SUL



No próximo dia 06 de outubro, o roteiro de turismo rural Caminho Pomerano, completa 18 anos de atividades no município de São Lourenço do Sul, na região turística da Costa Doce Gaúcha. Buscando preservar hábitos, costumes e histórias de seus antepassados, um grupo de pessoas se reuniu e fundou a Associação Caminho dos Pomeranos em 2005.


A criação do roteiro Caminho Pomerano teve apoio e fomento da administração municipal da época, EMATER e SEBRAE. Os objetivos do projeto turístico estavam na geração de trabalho e renda de maneira responsável e sustentável, agregando valor aos produtos e serviços locais que possuem características típicas do modo de vida da zona rural, bem como resgatando a cultura e os hábitos da imigração Alemã/Pomerana.


Foram anos de dedicação de mulheres e homens no trabalho de consolidação do roteiro, seus atrativos e na conservação da cultura dos imigrantes germânicos. Com isso houve o reconhecimento através de lei municipal (2017) e estadual (2019), considerando o roteiro Caminho Pomerano como de relevante interesse turístico e cultural.


Durante todos esses anos a associação Caminho Pomerano, empreendedores e atores sociais puderam colaborar com suas experiências em diversos trabalhos acadêmicos de pesquisa e fazem parte de um acervo importante da academia.


Cabe destacar que o Caminho Pomerano leva o nome do município de São Lourenço do Sul em feiras, eventos, seminários e além fronteiras, através de sua representatividade coletiva.

Os impactos da pandemia do COVID-19 impactaram as atividades do roteiro Caminho Pomerano, que através da organização coletiva buscou alternativas para o fortalecimento de seus associados, inclusive com a ampliação do quadro de associados que proporcionaram atividades ao ar livre, mantendo todos os cuidados e recomendações sanitárias.


Atualmente o roteiro possui 12 empreendimentos na atividade do turismo rural e cultural, agroindústrias e artesãos integram esse produto turístico de grande relevância e conforme descreve o pesquisar e escritor Jairo Scholl Costa “a rota turística que percorre parte do interior de São Lourenço do Sul abre as portas de um mundo diferente, revelando uma cultura rica que se transferiu para o Brasil e hoje muito pouco resta na terra original da Pomerânia na Europa Central, o que se tornou um diferencial para os turistas, e não somente para eles, mas, para pesquisadores, historiadores, acadêmicos, antropólogos, sociólogos e outros estudiosos”.


A vitalidade do Caminho Pomerano e de outras iniciativas como essa, são frutos da dedicação, desprendimento e abnegação de pessoas com foco no desenvolvimento, na preservação de sua cultura e na geração de oportunidades para as próximas gerações.


Ao desejar vida longa ao roteiro Caminho Pomerano, o qual me acolheu e me transformou em um dos seus maiores admiradores, reivindico politicas públicas para esse setor que possam colaborar com o turismo rural, compreendendo que essa atividade deve ser considerada como de fundamental importância para o desenvolvimento de áreas rurais.





Rodrigo Seefeldt

Condutor local, atual presidente do Caminho Pomerano, Bacharel em Desenvolvimento Rural, escritor e fundador do RuralidadesSul.














Comments


bottom of page